Nesta quinta-feira (24), as Guerreiras Grenás derrotaram o Flamengo-RJ por 2 a 1, pela última rodada da primeira fase do Brasileiro Feminino, no estádio Alfredo de Castilho, em Bauru. Os dois gols da Locomotiva foram marcados pela atacante Lurdinha.

Com o resultado, a Ferroviária terminou a primeira fase na quinta colocação, com 27 pontos conquistados. Na próxima fase, quartas de final, enfrentará o Santos, em partidas de ida e volta. O primeiro jogo das quartas de final deverá acontecer apenas em agosto, após as Olimpíadas.

Nesta primeira fase, as Guerreiras tiveram oito vitórias, três empates e quatro derrotas; marcou 21 gols e tomou 15. A artilheira da equipe ao final desta primeira fase é a meia Rafa Mineira, com quatro gols marcados.

As Guerreiras avançaram de fase em todas as edições do Brasileiro desde 2016.

O JOGO
As Guerreiras entraram em campo com uma bandeira com as cores do movimento LGBTQIA+ em homenagem ao mês do orgulho LGBTQIA+. Além disso, a Ferroviária entrou em campo com o “Chá de Vida” estampado no uniforme. A Associação Chá de vida é uma organização não governamental de Araraquara, que atende mulheres em tratamento do câncer em Araraquara e região.

Foi uma partida bastante equilibrada. A primeira oportunidade surgiu aos 17 minutos, quando Lurdinha cruzou para Leidiane, mas a goleira defendeu. Aos 20, o Flamengo chegou com perigo e a atacante ficou cara a cara com Luciana, que fez uma excelente defesa. Aos 25, gol das Guerreiras: Lurdinha recebe lançamento, avança com a bola dominada e, mesmo marcada por duas adversárias, finaliza para o fundo do gol. Aos 38, Rafa Mineira colocou Aline Milene pra correr, a jogadora chutou, mas a goleira defendeu.

No segundo tempo, logo aos três minutos, as Guerreiras quase ampliaram: Amanda fez lançamento para Samia, que finalizou, mas a goleira fez grande defesa. Aos 11, o Flamengo empatou com Jayanne. Aos 12, alteração na AFE: entraram Sochor e Duda nos lugares de Samia e Rafa Mineira. Aos 23, nova substituição: entraram Aline Gomes e Suzane nos lugares de Aline Milene e Leidiane. Aos 35, o segundo gol das Guerreiras: Anny faz lançamento, Lurdinha recebeu no campo de ataque e mandou para o fundo das redes pela segunda vez! Aos 39, Graciela entrou no lugar de Lurdinha. Final de jogo, Ferroviária 2 a 1 Flamengo-RJ.

A técnica Lindsay Camila disse que confia no seu elenca e, que agora, é outra competição que começa. “Eu estou muito contente com elas, confio muito no meu elenco, acredito na qualidade delas. Mata mata, ou ganha ou sai. Agora zerou. A gente recomeça um torneio do zero. Primeiro jogo em casa, segundo jogo lá. A equipe do Santos é uma equipe de qualidade técnica muito boa. Vamos ter bastante tempo para trabalhar e tentar melhorar aquilo que não foi agradável na primeira fase”, pontuou.

A atacante Lurdinha, autora dos dois gols da ferroviária, falou da concentração para marcar os gols. “Primeiramente eu quero agradecer a Deus pelos dois gols, fiquei muito feliz. Nós temos que entrar bem concentradas desde o início da partida e, na hora do lance, eu estava bem concentrada e pude fazer o gol. Agora é mudar a chavinha e trabalhar duro para poder jogar contra o Santos pelas quartas de finais e buscar a vaga na semi”, comentou.

FICHA TÉCNICA
CAMPEONATO BRASILEIRO FEMININO 2021 – 15ª RODADA
FERROVIÁRIA 2×1 FLAMENGO-RJ

Data/horário: quinta-feira, 24 de junho de 2021, às 15 horas
Local: estádio Alfredo de Castilho (Bauru-SP)
Arbitragem: Daiane Caroline Muniz dos Santos (árbitra); Paulo Cesar Modesto e Juliana Vicentin Esteves (auxiliares); Bruna Serra Oliveira (4º árbitro).
Gols: Lurdinha (25’ do 1T e 35’ do 2T) para a Ferroviária; Jayanne (11’ do 2T) para o Flamengo-RJ.

Ferroviária – Luciana; Monalisa, Anny, Gessica e Barrinha; Amanda e Rafa Mineira (Duda); Aline Milene (Aline Gomes), Samia (Sochor), Leidiane (Suzane) e Lurdinha (Graciela). Técnica: Lindsay Camila.

Flamengo-RJ – Kaká; Rayanne, Stella, Cida e Sorriso (Renata); Kaylane (Carlinha), Andressa (Rafa Barros) e Ana Carla (Bruna Rosa); Jayanne, Darlene e Flávia (Maria Peck). Técnico: Celso Silva.

Texto e foto: Tiago Pavini/Ferroviária SA